Noticia 2017 01 02

Alimentação no verão: o que comer na estação mais quente do ano

alimentacao-verao
O verão está de volta e nessa época suamos mais, aumentando a probabilidade de ficarmos desidratados. Por isso, nosso corpo pede um consumo maior de líquidos para compensar as perdas de água e sais minerais decorrentes da transpiração. Além disso, a digestão também fica prejudicada, pois o organismo tem mais trabalho para manter a temperatura corporal.

O primeiro cuidado a ser tomado é o de se alimentar em pequenas quantidades várias vezes ao dia. O café da manhã é uma das principais refeições do dia e não deve ser negligenciado. O almoço e o jantar devem constar de refeições leves, que são de digestão mais fácil e garantem uma maior disposição, evitando o consumo de alimentos gordurosos e massas com molhos pesados.

Outra questão fundamental é o cuidado com o preparo e a conservação dos alimentos, principalmente os vegetais e as carnes. Quanto à conservação, é importante que sejam mantidos refrigerados e bem acondicionados em recipientes próprios já que as altas temperaturas podem acelerar sua degradação, além de favorecer a proliferação de bactérias e fungos.

No preparo, devemos estar atentos à lavagem adequada de frutas, legumes e verduras, que deve ser feita de maneira rigorosa e com água tratada ou então fervida. Isso adquire importância maior ao consumirmos alimentos em bares e quiosques à beira da praia, locais onde muitas vezes esses cuidados são deixados de lado, seja por descuido ou pressa em atender aos clientes.

Já a ingestão de líquidos é de extrema importância para evitarmos a desidratação. O recomendado é que seja feita na forma de água e sucos naturais, que são leves e não dão aquela sensação de “barriga pesada”, como acontece com os refrigerantes e outras bebidas gaseificadas. Além disso, sucos naturais garantem um aporte adequado de vitaminas e sais minerais, o que não é garantido com o consumo de refrigerantes e bebidas alcoólicas que favorecem a desidratação e a eliminação de sais minerais pela urina.

 

Veja algumas dicas de como se alimentar bem e aproveitar o verão plenamente!

– Tome bastante líquido para hidratar (no mínimo 1,5 litros por dia). Abuse de água, sucos naturais, água de coco e chá gelado;

– Tenha uma alimentação repleta de vegetais e frutas. Eles são ricos em vitaminas e minerais para repor o que foi perdido pela transpiração;

– Prefira assados, grelhados e cozidos, ao invés de frituras e empanados;

– Prepare os sanduíches sem maionese, molhos cremosos ou queijos gordurosos;

– Consuma alimentos leves e que ajudem o intestino a funcionar perfeitamente: grãos e cereais integrais, iogurte desnatado e linhaça.

– Se tiver vontade de comer doce, tome um picolé de frutas. Mata a vontade e tem baixa caloria;

– Na praia, tome cuidado com os alimentos vendidos por ambulantes que geralmente apresentam condições higiênicas inadequadas. Os biscoitos de polvilho e a água de coco são uma boa opção. O ideal é levar de casa frutas de fácil manuseio e pouca manipulação, como banana, pera, pêssego, ameixa e maçã;

– Lembre-se que sua saúde é o mais importante, por isso não a sacrifique aderindo a dietas milagrosas que colocam em risco o seu bem-estar.

Fonte: Boa Saúde.

Procure sempre a orientação de um especialista e viva bem!